• CarlaRibeiro

Em pleno Verão... fuja para cidades mais frescas!

Aventura, mar, sol q.b. e neve. Surpreenda-se com os destinos que pode descobrir para fugir ao Verão, que se avizinha muito quente em Portugal! Por isso, conheça os cinco destinos na Europa bem fresquinhos.



Parece que Portugal vai atingir temperaturas bem quentes no Verão e se o calor não é “a sua praia”, saiba que na Europa é possível fazer férias em destinos bem mais frescos.

A pensar nas pessoas que procuram alternativas ao calor, a momondo, motor de busca de viagens, hotéis e carros de aluguer, propõe-lhe cinco destinos europeus refrescantes, onde o termómetro não ultrapassa os 20°C. 

Noruega

Em algumas zonas da Noruega locais de temperaturas amenas. Por exemplo, em Oslo, entre Junho e Setembro, poderá caminhar pelas ruas da cidade confortavelmente, com temperaturas entre os 16° e 21° C.  Há muitas actividades que poderá fazer, e tudo à distância de uma pedalada. Nesta cidade, há imensas ciclovias que o vão fazer recordar aqueles dias passados a andar de bicicleta com os amigos.  A Noruega dos vikings é uma região que se apresenta numa mistura “idealista” entre a natureza e o ser humano, em que as construções e infraestruturas se harmonizam com a natureza, dando-nos uma sensação completa de equilíbrio entre o moderno e o selvagem. A natureza é uma das maiores atracções deste país, com inúmeras florestas, rios, trilhos pelas montanhas e rios e lagoas de águas cristalinas para descobrir.

Não se esqueça de provar  as especialidades da cozinha norueguesa e arrisque-se a comer vários peixes frescos como o salmão ou as trutas, prove o pão e o queijo que aí se fazem, mas não se esqueça de testemunhar uma das comidas mais reconfortantes deste país, os waffles.

Finlândia

Conheça uma Finlândia verde, cheia de vida e com temperaturas que se situam entre os 20° e os 23° C, durante os meses de verão. Dias com uma temperatura acima de 25° C são classificados como quentes. Se quiser conhecer uma Finlândia mais amena, o litoral é uma boa escolha com várias praias onde poderá mergulhar e se tiver com energia, atreva-se a praticar uns desportos aquáticos.

Para quem quer mesmo conhecer uma Finlândia mais fria, existem alguns fenómenos que tem de conhecer e explorar. Os dias podem ser bastante escuros durante o Inverno, no entanto, embora possa ser estranho para os portugueses que adoram o sol, na Finlândia é possível presenciar o “sol da meia-noite”. Um fenómeno que acontece no norte do país e é caracterizado por noites de Verão curtas onde o sol permanece acima do horizonte por várias semanas seguidas.

Ilhas Faroé

Fazem parte do Reino da Dinamarca, situam-se no Oceano Atlântico Norte e são o desafio refrescante que precisa para este Verão, com temperaturas médias a rondar  os 13° C! Um amontoado de 18 ilhas que se encontram entre a Islândia e a Noruega, com pouco mais de 50 mil habitantes, vão fazer as maravilhas de quem se aventurar por autênticas aldeias piscatórias. Falamos de ilhas pequenas e isoladas, com poucos turistas e paisagens quase no seu estado selvagem.  

Para quem gosta de uma aventura, este é o destino de férias, principalmente, se procura um sítio fresco com muito mar à sua volta. Aventure-se e explore ilhas praticamente em intocadas pelo homem, ricas em falésias, fauna marinha e com tons verdejantes que o parecem autênticos postais. No total, são 18 ilhas onde é possível andar de barco, acampar, visitar a capital Tórshavn com as suas vistas mais urbanas ou então conhecer o Vilarejo de Funningur, palco de alguns filmes internacionais.

Um facto curioso que poderá ver nestas ilhas é que, embora sejam constituídas por poucos habitantes, ovelhas é o que não lhes falta. A cada canto e, normalmente, em locais que pensaríamos impensáveis, iremos encontrar estes animais, que muitas vezes desafiam as alturas, caminhando nas íngremes montanhas.

Gronelândia

Tem temperaturas entre os 4° e 15° C nos meses de Verão! À semelhança do que acontece na Noruega, na Gronelândia pode encontrar um equilíbrio completo entre a natureza e o ser humano.

Num destino onde estradas entre as várias localidades são quase inexistentes, o mar é o principal meio de transporte. É a partir de barco que se fazem as principais ligações entre as várias cidades. Não espere encontrar um local típico onde o dia-a-dia é vulgar, aqui irá encontrar uma realidade “crua” que é vivida num sítio repleto de icebergs.

A Gronelândia não é um destino típico de férias na praia, é uma experiência particular que permite vivenciar uma realidade distante, para quem vive num país cheio de sol e calor como Portugal. Aqui pode provar iguarias locais como carne de foca ou baleia, viajar entre icebergs e aventurar-se pelos polos conhecendo a beleza do ártico. Um destino selvagem com seis meses de dia constante, durante a primavera e o verão, e nos meses mais frios, fica inundado por noites igualmente longas. Desejava fresco? Bem a Gronelândia tem isso e muito mais para conhecer e explorar, por isso não se esqueça da camisola polar!

Ilhas Shetland

Na parte mais a norte do Reino Unido, as Ilhas Shetland, entre os meses de Junho e Setembro, têm temperaturas médias entre os 13° e os 15° C. É mais um destino perfeito para fugir do calor que se fará sentir no nosso país . Divirta-se a explorar trilhos ao longo da costa, ou então a observar a fauna selvagem que aí se encontra. Todavia, terá sempre lojas onde poderá comprar os souvenirs para recordar este verão mais arejado.


www.momondo.pt


#must #revistamust #itmustbegood #momondo #europa #verao #calor #cidades #viajar #travel #portugal #feriassemcalor @it.must.be.good