• CarlaRibeiro

Deixa-te de Mentiras

O premiado romance de Philippe Besson, conta a história de amor entre dois rapazes adolescentes na França de 1984.

Deixa-te de Mentiras, de Philippe Besson, Sextante Editora; 15,50 €

À entrada de um hotel em Bordéus um escritor cruza-se com um jovem estranhamente parecido com o seu primeiro amor, Thomas. Olha então para trás, para uma relação nunca esquecida, uma relação escondida do último ano do liceu. Uma obra que fala do erotismo e da ternura de um primeiro amor, da dor da perda e da passagem do tempo.

Há cartas de amor e, depois, há os livros de amor. Deixa-te de Mentiras, obra originalmente publicada em França em 2017, encerra essa doce missão: a de contar – o mais justo seria dizer que lhe presta homenagem – a história de um amor terno e sensual, alimentado em segredo, naquilo que a revista Elle definiu como “um Brokeback Mountain francês”. Aqui narram-se factos e sentimentos autobiográficos, que retratam um momento especial na vida do autor, o final da adolescência, mas também de uma França dominada pelas idiossincrasias dos anos 80.


Para o leitor, tudo começa no átrio de um hotel em Bordéus, quando um escritor avista um jovem estranhamente parecido com o seu primeiro amor, Thomas. É um fantasma que ali está, «esta imagem que não pode existir», capaz de trazer para a luz do dia memórias e sensações há muito sufocadas. Este encontro é o rastilho para a evocação de uma relação nunca esquecida, com viagens ocasionais à infância do autor, onde vai buscar o título da obra, revelamos já.  «Eu inventava tão bem histórias que era difícil distinguir a verdade da mentira. Acabei por fazer disso profissão e tornei-me romancista», escreve Besson. O livro encerra ternura, sensualidade explícita, desencanto e inocência nas doses certas. Fala da dor da perda e do crescimento, ao jeito da tão célebre procura do tempo perdido. Fala dos sonhos que se acalentam quando ainda somos apenas gente em potência.


www.portoeditora.pt


#must #itmustbegood #revistamust #DeixatedeMentiras #PhilippeBesson #SextanteEditora #livro #ler #leitura #read #reading #portoeditora #amor #amar #ternura