• begoodmust

Está na hora de tratar das manchas na pele

Atualizado: Set 3

As manchas que aparecem na pele são comuns e podem surgir por problemas hormonais, relacionados com a toma de alguns medicamentos, durante a gravidez, mas na maioria dos casos aparecem devido à oxidação das células da pele em reação ao sol.




Por este motivo, os dois cuidados mais importantes a ter são: insistir na proteção solar durante todo o ano e dar à pele antioxidantes que consigam actuar de imediato.


Mas afinal o que sabemos? Que as manchas ocorrem porque as células responsáveis por produzirem os pigmentos na pele – os melanócitos - produzem demasiado pigmento, mesmo com pouco estímulo solar.


Sabemos que é uma reação oxidativa e que os antioxidantes ajudam a prevenir. Então, afinal, como podemos evitá-las? E como podemos tratar as que já temos?

O papel do esfoliante Na Organii é aconselhado o uso de um esfoliante facial uma a duas vezes por semana. O uso do esfoliante oferece inúmeros benefícios para a pele: promove a renovação celular e a remoção das células mortas e impurezas, melhora significativamente a textura da pele, melhora a absorção dos cosméticos, combate o aparecimento das rugas e linhas de expressão, mantém os poros desobstruídos, combate o aparecimento de acne e previne do aparecimento de manchas. Como também ajuda a prolongar o bronzeado, esta é a altura para iniciar esta rotina. A sugestão são: os esfoliantes Luminosity ou Radiance ambos da Voya, pensados e formulados para peles sensíveis.




Máscaras e ampolas faciais antioxidantes

Para além da esfoliação, as rotinas de máscaras e ampolas faciais antioxidantes são uma ajuda. Funcionam como se fossem um shot de antioxidantes que a pele consegue absorver rapidamente. O aconselhado é o uso imediato de uma ampola antioxidante da Mádara, logo depois da aplicação de um tónico e antes da aplicação de um creme de dia. Quanto às máscaras hidratantes ricas em antioxidantes, o ideal é a aplicação semanal (duas vezes por semana). Esta rotina poderá ser reforçada com séruns, tónicos e cremes anti-manchas. Uma das novas tendências são os cremes que combatem agentes poluentes, ajudando a afastar os radicais livres e a reduzir os processos de oxidação celular.


Sugestões Organii:

A Essência Botânica Luminosidade e o Sérum Booster Éclat da Absolution, e a linha Smart da Mádara. Quando estamos mais expostas à radiação é essencial usar proteção solar. Não será necessário a sua aplicação em locais fechados de forma a não inibir a produção de vitamina D, mas sempre que exista exposição ao sol é importante a aplicação de um fotoprotetor no rosto, para evitar o aparecimento de manchas.

Quando já existem manchas, o que fazer?

Conselho de Cátia Curica, co-fundadora da Organii: à noite, é recomendada a aplicação de óleo de Rosa Mosqueta, apenas sobre as manchas. O ideal será fazer uma mistura de óleo de Rosa Mosqueta com óleo essencial de Limão, mas somente à noite, pelo facto de a regeneração provocada pela vitamina C ser bastante eficiente durante a noite, mas ser fotossensível durante o dia. O aconselhado é juntar uma gota de óleo essencial para cada 3 colheres de sopa de óleo de Rosa Mosqueta, e aplicar esta mistura, depois do tónico e antes do creme de noite (diariamente, durante todo o ano).



#must#itmustbegood#revistamust #organii #manchas #pele #rosto #beleza #sol #beauty #beautycare