top of page
  • Must Edição

Perfumista portuguesa aromatiza jantar no The Yeatman Hotel

No dia 17 de agosto, o The Yeatman Hotel irá receber Cláudia Camacho, a perfumista portuguesa, para uma inovadora prova olfacto-vínica; conceito lançado pela mesma, em 2021. Através de alguns acordes olfativos, que irão ser ditados pelos pratos criados pelo Chef Ricardo Costa (2 estrelas Michelin) e pelos vinhos da Quinta da Casa Amarela, de Laura Regueiro, Cláudia Camacho irá criar uma fragrância que marcará, olfativamente, este jantar, que tem o valor de 100 euros e as inscrições podem ser feitas através do site do The Yeatman.


“As linguagens dos perfumes e dos vinhos têm muito em comum: aromas, notas, estágios, macerações, maturações. E quando é uma perfumista a analisar um vinho, várias curiosidades se desvelam.”, afirma Cláudia Camacho, mais conhecida nas redes sociais por The Fragrant Lady.

Cláudia Camacho – tida como a primeira mulher perfumista independente em Portugal - fez um longo percurso profissional na área da Gestão das Artes, tendo inclusive trabalhado como Curadora, Historiadora da Arte, Professora Universitária, entre outros cargos de peso. Em 2018, optou por especializar-se em perfumaria, em Londres, e em 2021 lançou o primeiro perfume em nome próprio, de nome “Mystery”, tendo sido considerado pela crítica britânica como um dos perfumes do ano. Desde então, organiza as inovadoras provas olfacto-vínicas que têm sido um caso de sucesso no setor do Enoturismo de Luxo.

Neste evento, no The Yeatman Hotel, a perfumista irá cruzar-se com os vinhos da Quinta da Casa Amarela, que estará representada por Laura Regueiro. O projecto, no Vale de Cambres, com raízes fixas na região demarcada mais antiga do mundo, o Douro, criada em 1756, está na mesma família desde 1885 – de lá para cá, tem dado continuidade às tradições centenárias da região. É responsável pela produção de Vinho do Porto e de Vinho de DOC Douro.


“Sem olfato, não existe paladar”, relembra-nos Cláudia Camacho. "Nunca nos esqueçamos deste grande pormenor."

Comments


bottom of page