• CarlaRibeiro

Portojóia: o que está a mudar na joalharia portuguesa?

A 29ª edição da Portojóia, principal montra ibérica do sector da joalharia, ourivesaria e relojoaria, acontece de 27 a 30 de Setembro na Exponor, e surge com um formato totalmente renovado, dedicado a identificar as tendências e comportamentos que irão revolucionar o setor nos próximos anos.

Parcerias exclusivas, tendências, novos talentos e muitas novidades para conhecer na próxima edição da Portojóia, de 27 a 30 de Setembro, na Exponor

A joalharia portuguesa está a renovar-se pela mão de jovens designers, novas tendências e novas formas de contacto com o consumidor, que revitalizam a arte e a projectam para o futuro.

Do efervescente surgimento de novos designers e de marcas de autor aos novos comportamentos do consumidor, são muitas as dinâmicas que influenciam o mercado da joalharia. Atenta a esta mudança de paradigma, a Portojóia criou várias iniciativas e novos espaços que espelham o que está a mudar no setor e traçam diretrizes sobre o que o irá influenciar nos próximos anos. 


Art & Jewels

É uma das grandes novidades desta edição, em que a Portojóia juntou jovens promessas da joalharia nacional com designers de diferentes áreas ligadas à moda e à arte, para o desenvolvimento de colecções exclusivas que serão apresentadas em primeira mão no evento. As duplas criativas são formadas por Lia Gonçalves & Gonçalo Peixoto, novo nome da moda nacional, Ana Pina & Oupas, estúdio de design que se tem vindo a destacar pela arte em papel e cartão, Joana Santos & Nobrand, marca de calçado conhecida pela irreverência das suas coleções e Mesh & Very Bushwick, marca de óculos artesanais.


“Studio” e Valentim Quaresma

A Portojóia volta a dar palco à joalharia de autor e aos jovens designers que têm aqui oportunidade de se apresentar ao mercado. Uma “incubadora” de talento que tem ganho expressão ano após ano e chega esta edição ao número recorde de 40 marcas.

Um dos mais proeminentes nomes da joalharia de autor portuguesa, Valentim Quaresma é o convidado de honra, que terá um espaço próprio com uma retrospectiva da sua carreira, marcada por vários prémios e reconhecimentos internacionais.


Segundo Amélia Monteiro, directora do certame, “O mercado da joalharia está a evoluir a um ritmo vertiginoso e é imperativo acompanhar as novas dinâmicas e tendências. Sendo um evento dirigido a profissionais, queremos que a Portojóia se posicione como motor desta mudança, uma plataforma de partilha de informação e de inspiração, que contribua para impulsionar toda esta dinâmica que o setor vive actualmente”.

Trend Spot

A Portojóia volta a afirmar-se como observatório de tendências, identificando os temas que estão a influenciar o mercado mundial de joalharia e têm eco nas criações nacionais, em destaque neste espaço central do evento. Seguindo as previsões do Trendvision Forecasting, fez uma rigorosa curadoria de peças que respondem às tendências “The Need of Me”, tema que serve de mote ao evento e sugere peças com personalidade como forma de autoexpressão e individualização; “The New Man” que realça o crescimento do segmento masculino no mundo das joias; “Future Trends” que retrata a simbiose entre tecnologia e joalharia, uma versão neo-retro que abre infinitas possibilidades e “Neutral”, impulsionada pelos Millenials e Geração Z, na procura pela imperfeição, em paradoxo com a ditadura da imagem imposta pelas redes sociais.


“Jewels Box”, “Pure Jewels” e Workshops técnicos

A Portojóia pretende também posicionar-se como fonte de informação e inspiração para os profissionais do sector, partilhando boas práticas e casos de sucesso. O novo espaço “Jewels Box” pretende ser uma verdadeira montra de tendências de exposição e venda de joias, apresentando quatro exemplos de sucesso: Alcino Silversmith, Monseo, Eugénio Campos e Liliana Guerreiro. Também novidade é a área “Pure Jewels” onde estarão duas marcas de luxo, a Eleutério Jewels e a Alfaiataria. Paralelamente, o evento irá proporcionar uma agenda de workshops em temas estratégicos para o sector, como vitrinismo, tendências de consumo e marketing digital. Pela primeira vez, haverá cursos gratuitos de iniciação à joalharia, ao longo de todo o evento.


Prémio Best Of Portojóia e “Portojóia Design”

A Portojóia volta a premiar o talento e criatividade do sector. No dia 28 de Setembro, o “Prémio Best Of 2018”, que vai na sua terceira edição, divulga os grandes vencedores em oito categorias: Prémio Carreira, Designer Revelação, Melhor Inovação, Melhor Montra, Melhor Loja Física, Melhor Loja Online, Melhor Montra Stand e Melhor Stand. E os novos talentos ganham palco no evento com a 14ª edição do concurso “Prémio Portojóia Design”, subordinado ao tema desta edição, “The Need of Me”. Recorde-se que esta iniciativa se dirige a estudantes e formandos de cursos de arte, design e ourivesaria, que se habilitam a participar no Espaço Criadores e a integrar o espaço Incubadora de Joalheiros durante dois meses.


#must #revistamust #itmustbegood #portojoia #joalharia #joias #joalhariaportuguesa #feiradejoias #feiradejoalharia #jewels #porto #exponor #design #novostalentos #ourivesaria #relojoaria #mustjewels #art @it.must.be.good