• CarlaRibeiro

O Domínio de Angola - Um Retrato do Poder de José Eduardo dos Santos

Publicado em outubro do ano passado em França, é o resultado de uma longa investigação que tenta decifrar uma saga familiar, ao mesmo tempo que perspetiva os desafios atuais de Angola.



Correspondente da Agência France Presse e da Radio France Internationale em Luanda entre 2012 e 2015, Estelle Maussion descreve o poder de José Eduardo dos Santos e da sua família e a forma como controlaram e usufruíram das riquezas do país como se fossem suas, bem como a teia de influências criadas pelo antigo presidente angolano.


Ou seja, conta a história de uma família com um pai autoritário, uma filha milionária, um filho preso, um general ameaçador e um número enorme de intriguistas. O cenário é Angola, onde a grande maioria da população vive com menos de dois dólares por dia, e em particular a sua capital, Luanda, conhecida durante muito tempo como «a Dubai de África». Depois de ter chegado ao poder quase por acaso, o patriarca entrega o controlo dos recursos do país ao seu círculo mais próximo ao longo de 38 anos de presidência. Com isto torna-se o chefe todo-poderoso de um clã de milionários. Os seus membros são intocáveis e o seu reino anuncia-se eterno. Até ao dia em que é forçado a passar o testemunho. O novo homem forte, que faz parte do mesmo partido político, João Lourenço, quer mudar a situação e declara guerra à corrupção. O seu principal alvo são os Dos Santos…


Editado em França há três meses, numa altura em que a aura de intocáveis já não se aplicava a todos os membros da família do ex-presidente angolano - José Filomeno dos Santos, um dos filhos do ex-presidente de Angola já estava preso em Angola – no livro, Estelle Maussion, apresenta-o como “o filho sacrificado”. A jornalista admite a dificuldade em ter acesso a alguns dos protagonistas da obra, não obstante os inúmeros pedidos de entrevista.

“A aura de princesa é em parte explicada pela proximidade ao pai. Entre eles a confiança é absoluta. Isabel era a única da família a poder entrar no palácio presidencial quando entendia. É também a única entre os filhos a recordar José Eduardo dos Santos dos tempos em que ele ainda não era chefe de Estado mas apenas um dos lugares-tenentes do primeiro presidente de Angola, Agostinho Neto. Por fim, é a única que se lhe assemelha, tanto na desconfiança em relação aos media como no apego ao poder. E quem sai aos seus não degenera: nem um nem outro suportam que alguém conteste a sua autoridade”.


#must #itmustbegood #revistamust #ODomíniodeAngola #angola #luanda #livro #book #poder #familia #presidentedeangola #UmRetratodoPoderdeJoséEduardodosSantos #EstelleMaussion #sagafamiliar #read #readin #leitura #oficinadolivro #grupoleya