top of page
  • Foto do escritorbegoodmust

Um vinho todo-o-terreno bom para beber a solo!

Três Bagos Reserva tinto de 2019 é um vinho com um perfil que soma fruta, frescura e estrutura. Um tinto com uma graciosidade que abraça e amacia a garra dos típicos Douro. É caso para dizer que estamos perante um todo-o-terreno, bom para beber a solo, ideal para harmonizar com comida, sobretudo com foco na proteína. Pronto a ser consumido, tem um bom potencial de guarda. Preço: €9,99.


Este vinho resulta de um duplo trio: é um blend de três castas autóctones bem (re)conhecidas dos amantes dos vinhos do Douro – Tinta Roriz, Touriga Franca e Touriga Nacional –, que têm a sua origem em algumas das 20 quintas dos accionistas da Lavradores de Feitoria, situadas ao longo das três sub-regiões do Douro: Baixo Corgo, Cima Corgo e Douro Superior. Em média, são vinhas com mais de 30 anos de idade. O estágio deste Reserva dividiu-se entre cubas de inox (50%) e barricas de carvalho francês, 25% novas e 25% de dois anos, durante 12 meses.


No copo, o Três Bagos Reserva tinto 2019 apresenta uma cor vermelha viva. No nariz, revela-se bastante aromático, fino e elegante. Apresenta aromas a frutos vermelhos bem maduros, do tipo ameixa vermelha, alguma cereja e amora silvestre, com madeira discreta e bem integrada, contribuindo para a sua complexidade e enriquecimento aromático. Na boca, é muito rico, com destaque para os frutos vermelhos bem maduros. Sente-se a presença de taninos, suaves e equilibrados por uma boa acidez e estrutura. Trata-se de um tinto complexo, com um final suave e muito agradável.

Acabado de chegar ao mercado, tem já um duplo reconhecimento da crítica internacional: arrecadou uma medalha de ouro no Concurso Mundus Vini e foi distinguido com 91 pontos, atribuídos pelo reputado crítico de vinhos norte-americano James Suckling.


Commentaires


bottom of page