• CarlaRibeiro

Vela Latina celebra 30 anos e vai abrir duas esplanadas

Atualizado: 18 de Dez de 2018

Renovado em Setembro de 2017, com nova decoração de estilo trendy e descontraído, jardim interior e novo espaço de cozinha de fusão peruana e japonesa Nikkei, o Vela Latina permanece um porto seguro para o público de sempre, conquistando hoje novos consumidores. 


Um dos mais antigos restaurantes na zona ribeirinha de Lisboa festeja sucesso de nova estratégia de negócio

Fundado em 1988 pelos irmãos Joaquim e António Machaz, antigos proprietários do Hotel Tivoli, o restaurante Vela Latina, pioneiro na Doca do Bom Sucesso, em Lisboa, apostou num rebranding da marca e no desenvolvimento de um novo conceito de cozinha, uma estratégia de negócio que, hoje, garante o seu posicionamento entre os clássicos contemporâneos do ramo.



“Estamos muito contentes com o desenvolvimento e crescimento do negócio”, afirma Salvador Machaz, filho de Joaquim Machaz e detentor, com a sua família, de 50% do Vela Latina, sociedade que partilha, há um ano, com os sócios do grupo Confraria do Sushi - Viviane Leote, Jorge Leote e Marcelo Meira.



Honrando os valores que o guiaram até hoje – “hospitalidade, serviço, qualidade e requinte da confecção”-  o Vela Latina prepara “a abertura de duas esplanadas para o Verão de 2019, em pleno funcionamento com o bar de cocktails exterior Nikkei, e a reconversão do Vella Caffé”, revela Salvador Machaz.



Espaço emblemático e de eleição para inúmeras figuras públicas e dirigentes políticos portugueses, o Vela Latina mantém Benjamim Vilaças no comando das operações do restaurante. O Chef é responsável por pratos tão famosos como fígado de aves em tarte de maçã (escolha da escritora Helena Sacadura Cabral) ou salada de lavagante fresco e espargos verdes, bem como pelas novidades regulares da nova carta. 



Servindo uma média de 400 a 500 refeições por dia, o espaço Vela Latina oferece, ainda, um serviço de take away dos melhores vinhos, queijos e enchidos portugueses, seleção nacional a cargo do novo parceiro de negócio, Manteigaria Silva (uma das mais antigas charcutarias de Lisboa), que também pode ser degustada na esplanada com vista rio. 

Moderno, jovem e com foco no futuro, o Vela Latina dirige-se, hoje, a todo o tipo de clientes, “não sendo só um clube de homens”, esclarece Viviane Leote, ao mesmo tempo em que recorda que “são as mulheres que actualmente decidem onde se vai jantar”. 


Fotos: ©Telmo Miller e Vela Latina


#must #revistamust #itmustbegood #velalatina #restaurante #lisboa #30anos #zonaribeirinha #gastronomia #jantar #almoçar #food #foodlovers @it.must.be.good