• CarlaRibeiro

Dois vinhos de grande notoriedade!

As novas edições do Grainha Reserva Branco 2018, um vinho com uma estrutura exuberante, e do Grainha Reserva Tinto 2017, um Douro profundo e de especial precisão, herdam a responsabilidade de fazer justiça à forte notoriedade da marca, detida pela Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo.

O Grainha Reserva Branco 2018, detentor de um estilo muito próprio, é elaborado a partir das castas Gouveio, Viosinho, Rabigato e Fernão Pires, provenientes de vinhas com idade média de 20 anos. Aqui misturam-se as texturas, a frescura, o corpo redondo de uvas amadurecidas sem pressa com a expressão de fruta fresca, de especiarias e notas de baunilha, apresentando um equilíbrio magnífico entre seriedade, tensão e delicadeza. Tem uma elegante densidade, terminando longo e muito preciso.

O Grainha Reserva Tinto 2017 é um verdadeiro clássico do Douro, que se distingue pela personalidade forte. Na sua base estão as castas Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinta Barroca, Touriga Nacional, que lhe conferem a sofisticação de um grande tinto duriense. Cativante desde o primeiro contacto, traz a dimensão do Douro em cada gota, partilhando generosos aromas frutados, densos e especiados, de textura sedosa. Os taninos são finos, não dispensando uma estrutura firme, à gravidade certa. Termina muito equilibrado, longo e focado.

#must #revistamust #itmustbegood #grainha #vinhos #douro #gastronomia #wine #winelovers #GrainhaReservaBranco2018 #GrainhaReservaTinto2017 @it.must.be.good