• begoodmust

Voltar ao trabalho com toda a segurança

Atualizado: Set 3

Setembro chegou. A reentrada após as férias e, para muitos, o eventual regresso ao local de trabalho, com segurança, em que o minimizar da disseminação da Covid-19 deve permanecer uma prioridade para todos. Portanto, é importante que aprendamos como interagir com os nossos colegas de trabalho.



O planeamento cuidadoso para regressar ao trabalho será um processo demorado que requer a adoção de todas as medidas de saúde, segurança e higiene para proteger funcionários e clientes. Se trabalha para uma PME, é provável que ela tenha capacidade para enfrentar os desafios da reabertura.


Assim que puder voltar ao trabalho e rever os seus colegas novamente, apertar a mão, dar abraços e alguns beijos devem estar fora de questão. Esqueça que um aperto de mão é a saudação padrão no mundo dos negócios. Os colaboradores devem continuar a tomar precauções extra e reduzir o contacto social. A pensar nisso, a Adecco deixa algumas dicas para tornar o retorno um pouco menos incómodo e a adoção de alguns hábitos mais seguros enquanto nos recuperamos do impacto da pandemia.


1. Use uma linguagem corporal positiva

Existem muitas outras maneiras de causar uma boa impressão sem apertar as mãos. A linguagem corporal é uma delas. Pessoas que sorriem são geralmente mais apreciadas pelos seus pares. Ter um sorriso aberto e acolhedor e uma linguagem corporal amigável tornam-no mais acessível e empático e mesmo que esteja de máscara, vai ver que faz a diferença.


2. Use um tom de voz suave

O tom de voz diz muito, especialmente quando se está muito tempo sem ver alguém conhecido. Seja sincero e caloroso. Expresse genuinamente felicidade ao encontrar / rever alguém, mesmo que renuncie à etiqueta social típica.


3. Acene com a cabeça para cumprimentar os colegas de trabalho

Se realmente deseja causar uma boa impressão, pode recorrer a outros tipos de cumprimentos ao reunir-se com os colegas de trabalho. Sempre pode acenar com a mão, acenar com a cabeça, levantar o polegar ou até dar um “high-five” virtual. Obviamente, a maneira como cumprimentamos alguém depende de quem é esse alguém. Relativize e prepare-se para uma nova normalidade.


4. Não ignore o momento da saudação

Seja honesto sobre o facto de não estar a apertar as mãos. Não ignore uma mão estendida e não finja que a situação não existe - isso só o vai fazer sentir-se ainda mais desconfortável. Principalmente se a outra pessoa não entender o que está a acontecer. Deixe claro que não deseja apertar as mãos neste momento devido ao surto de coronavírus. As pessoas vão entender. Na verdade, muitas pessoas provavelmente evitarão apertar a sua mão e sentir-se-ão aliviadas.


5. Leve o gel desinfetante para qualquer lugar

As pessoas distraem-se e, dependendo da situação e do foco, podemos esquecer-nos de alguns cuidados. Em caso de descuido ou hábito de apertar a mão de alguém, leve o desinfetante de bolso consigo e use-o com frequência. Ofereça um pouco ao seu interlocutor, se ele não tiver um.


6. Lave as mãos com frequência

Mesmo que não aperte as mãos quando se trata de se reunir com colegas de trabalho ou clientes, lavar as mãos com frequência é uma prática saudável. Existem muitas outras superfícies que também podem transferir a propagação do coronavírus e até mesmo uma gripe comum. Lavar as mãos é a melhor coisa que pode fazer para evitar ficar doente durante a temporada de constipações, gripes e Covid-19.


O coronavírus é silencioso e é fácil encontrar alguém que possa estar infetado sem saber disso, por isso, o distanciamento social é a nova norma. Portanto, é compreensível sentir-se animado por reencontrar colegas de trabalho. Mas para continuar a lutar contra a Covid-19, devemos manter as diretrizes adequadas de higiene. É o­ mais responsável que podemos fazer agora, e a maioria das pessoas com quem interage não vai interpretar mal, considerando a seriedade da situação.


#must #itmustbegood #revistamust #regressotrabalho #trabalho #segurança #covid19 #virus #colegastrabalho