top of page
  • Must Edição

Mar, mar e mais nada!

Mar&Nada é uma ideia do João Xisto e da Joana Simões, que são sócios neste espaço que fica no número 128 da Rua da Boa Vista, em Santos, e é um bar, um restaurante e um ponto de paragem obrigatório para quem valoriza a cozinha feita com amor num ambiente de casa do… avô!



Aqui não se utiliza proteína terrestre, trabalha-se com produtos sazonais (tanto na cozinha como no bar), e as estrelas do prato são os peixes menos consumidos, e conhecidos, da vasta costa portuguesa, os mariscos e as algas. Uma cozinha elaborada mas despretensiosa, um espaço cool com um toque kitsch que convida a jantares prolongados na companhia de vinhos e cocktails fora da caixa. 



O Mar&Nada é um verdadeiro ecossistema criativo, que vive num equilíbrio perfeito entre a comida, o bar, e o próprio espaço. Nada se desperdiça, tudo se transforma: a cozinha e o bar partilham todos os produtos e ingredientes, numa dinâmica intensa de experimentação e aproveitamento integral de toda a matéria prima, e a casa do avô foi, literalmente, decorada com a loiça e peças de mobiliário herdadas do avô (do João). Tudo interligado e em constante processo de criatividade e inovação, com a sustentabilidade como fio condutor. De uma garoupa, por exemplo, aproveitam-se-lhe todas as partes, inclusive a cabeça e as espinhas para caldos, e com ela se confeccionam múltiplos pratos com sabores, texturas e apresentações totalmente distintas. Sempre tão originais e improváveis quanto deliciosas.



A cozinha está a cargo da Verónica Catarino, que depois de ter passado pela Taberna Albricoque, de Bertílio Gomes, e pelo Cantinho do Avillez, assume agora, pela primeira vez, a direcção criativa e executiva de um restaurante.


Girafas do Mar (feitas com alga chorão-do-mar em polme de vodka e maionese de limão), Sloppy Sailor (prato estrela absoluto, é uma improvável e suculenta sandes de brioche, corvina, molho tártaro, alface iceberg e picante da casa) e Carapau Embarcado (um tártaro de carapau e maionese de limão), são apenas alguns exemplos de como no Mar&Nada a irreverência é o ponto de partida, e de chegada, para uma experiência surpreendente, e deliciosa.

A Apanha do Dia ocupa um espaço na carta deixado para a espontaneidade e “experimentação”, sem rede: um “prato do dia”, que surge no momento, feito a partir de um ingrediente fresco ao qual Verónica não conseguiu resistir.


O Bar é a praia da Joana do Carmo, responsável pelas cartas de cocktails, que chega da Toca da Raposa e partilha a mesma paixão pela inventividade e opções menos mainstream. E também ela não faz concessões.

Os cocktails, tão explosivos quanto os nomes sugerem, passam pelo Bilhete de Ida (feito com ananás dos Açores, whisky e double neipa), o Estalo (preparado com ameixa, rum branco e bolhas), o Telefonema Inesperado (com alperce pisco e vermute seco), e o Verdade Inconveniente (com algas gin e pak Choi), entre muitos outros. 



Nos vinhos, as escolhas são da Joana Simões, o Dão e a Bairrada, são as regiões de eleição, e que aqui são exploradas com a intenção de desvendar verdadeiras pérolas a preços bem democráticos. 

Disclaimer: no Mar&Nada o preço não é um critério de escolha de vinhos já que todos têm o mesmo preço. O desafio é, justamente, experimentar, descobrir, nadar para fora de pé! Sim, é a casa do avô, mas…


Para um “petisco e um copo” ou para um jantar com princípio, meio e fim, “a dois, a três ou a dez”... Onde Vamos? Vamos ao MAR&NADA!

Morada:

Rua da Boavista 128, Lisboa

Terças, quartas e quintas: 19h00 às 00h00 

Sextas e sábados: 19h00 às 02h00


1 Comment


jone martin
jone martin
Jan 09

João Xisto and Joana Simõe are the owner of this restaurant, they opened at very eye-catching location, We can check their meal menu and visit at there.

Affordable Artificial Grass Installation Services in Orlando FL


Like
bottom of page