top of page
  • Must Edição

O primeiro Tawny 50 Anos da Real Companhia Velha é um Porto elegante e fresco!

O Quinta das Carvalhas Porto Tawny 50 Anos é a estreia nesta categoria de Vinhos do Porto, mas segue o estilo muito próprio da Real Companhia Velha: velhice com agradabilidade. Procuramos o carácter da idade, mas com elegância e uma frescura cativante.”, afirma o master blender da casa Pedro Silva Reis.


O primeiro Tawny 50 Anos da Real Companhia Velha é um Porto elegante e fresco!

A Real Companhia Velha foi fundada em 1756, estando desde a sua génese ligada ao Vinho do Porto. Dias depois de celebrar 267 anos de história, a 10 de setembro, e sob a égide da marca Quinta das Carvalhas, a Companhia lança o seu primeiro Tawny 50 Anos – a mais recente indicação de idade autorizada pelo Instituto de Vinhos do Douro e Porto (IVDP). Um vinho com características singulares, criado por Pedro Silva Reis, presidente e mestre provador, em estreita colaboração com o seu filho mais novo, Tiago Silva Reis, há um ano na empresa e que se iniciou na arte do Vinho do Porto. Mestre e pupilo, unidos na criação de um novo Vinho do Porto, para o qual “intuição e sabedoria” são premissas mandatórias.

O primeiro Tawny 50 Anos da Real Companhia Velha é um Porto elegante e fresco!

Pedro Silva Reis, presidente e mestre provador, com o seu filho mais novo, Tiago Silva Reis


Os Tawnies com indicação de idade são lotes constituídos a partir do vasto espólio de Vinhos do Porto velhos da Quinta das Carvalhas, envelhecidos em Vila Nova de Gaia e cuja média de idades é a que está inscrita no rótulo. Depois dos 10, 20, 30 e 40 anos, surge agora o lote do Quinta das Carvalhas Porto Tawny 50 Anos, elaborado a partir de uma criteriosa seleção de Vinhos do Porto com diferentes idades e perfis, constituindo o lote base vinhos da década 60 e 70 e ainda uma pequena parte dos anos 20, envelhecidos nos melhores cascos de carvalho.


Dotado de uma bela cor âmbar com ligeiras nuances avermelhadas, típicas de um Tawny muito velho, o Quinta das Carvalhas Porto Tawny 50 Anos revela no nariz refinadas notas de casco de carvalho nobre, verniz, folha de cedro e noz-moscada, num conjunto em que se evidencia uma certa frescura cítrica. Na prova demonstra uma estrutura firme, harmoniosamente combinada com um largo espectro de sabores de frutos secos e alcaçuz, num final muito longo e persistente.

A Quinta das Carvalhas é uma das cinco propriedades da Real Companhia Velha, sendo muitas vezes referida como a joia da coroa. Localizada numa posição privilegiada, na margem esquerda do rio Douro, em frente à vila do Pinhão, em pleno coração do Alto Douro Vinhateiro, é uma das mais emblemáticas e espetaculares propriedades da região. As referências escritas com menção à Quinta das Carvalhas remontam ao ano de 1759, sendo que boa parte dos vinhedos desta propriedade são constituídos por Vinhas Velhas, cujo encepamento representa uma das mais ricas e variadas coleções ampelográficas de castas durienses. Na década de 2000 iniciou-se um considerável trabalho de reconversão das vinhas da Quinta das Carvalhas, orientado para uma viticultura sustentável, onde foram preservadas as parcelas de Vinhas Velhas, algumas centenárias e de onde originam os melhores vinhos.


Comentários


bottom of page